1º Fórum de Turismo e Espiritualidade acontece em São Paulo

forum de turismo e espiritualidadeFórum acontece em São Paulo, na quarta-feira, dia 18

No próximo dia 18, o Unibes Cultural, em São Paulo, recebe o 1º Fórum de Turismo e Espiritualidade. Com organização da Promonde, o evento busca explorar e debater os diálogos possíveis entre o universo das viagens e da espiritualidade. O Fórum acontece das 18h às 21h30 e possui inscrições gratuitas. 

“Queremos trazer à tona a discussão desse segmento de mercado, que poucos profissionais conhecem e que movimenta cada vez mais turistas. O turismo espiritual e religioso sempre existiu, desde o início das peregrinações à Meca, no Oriente Médio, ou a Jerusalém. Mas, atualmente, esse setor vem alcançando novo patamar. Não são apenas fiéis e religiosos, turistas vem buscando pelo autoconhecimento e conexões em novos tipos de experiência”, afirma Ricardo Hida, diretor da Promonde, organizador e curador do evento. 

São esperados em torno de 250 profissionais do turismo, entre hoteleiros, agentes de viagem, estudantes, influenciadores e jornalistas. Segundo Hida, o intuito é que o formato cresça e vire algo anual. 

“É o primeiro fórum nesse sentido, queremos trazer uma discussão muito mais ampla e mostrar o tamanho do potencial desse mercado e quais estratégias outros países adotam para esse segmento e como hoteleiros podem se preparar nesse sentido. Nossa ideia é que isso possa crescer, trazer outros destinos internacionais e trabalhar mais destinos nacionais. Sobretudo melhorar o turismo receptivo no brasil”, ressalta o curador. 

Fórum de Turismo e Espiritualidade: programação

Foram convidados grandes nomes da indústria de viagens para debater destinos que utilizam a espiritualidade como estratégia de promoção do turismo. Participarão Carolina Putnoki, diretora da Atout France para a América Latina; Vinicius Lummertz, secretário estadual de Turismo; Marcelo Michieletto, sócio-diretor da MH Tour; Jorge Ávila, secretário estadual de Turismo da Bahia; Tarcila Ferro, editora da Revista Viajar Pelo Mundo; e Carolina Dias, do Ministério do Turismo de Israel

Serão três painéis sobre diferentes localidades. O primeiro trará as estratégias da França para as suas rotas turísticas religiosas. “A cidades de Lourdes, onde aconteceu o milagre de Nossa Senhora, é segunda cidade mais visitada do país depois de Paris, com 3 milhões de visitantes por ano”, exemplifica Hida. 

O seguinte abordará as estratégias da rota Caminhos da Fé, em São Paulo, assim como rotas religiosa na Bahia. Por fim, os atrativos espirituais de Israel entram em debate, mostrando que o país tem mais a oferecer do que rotas para judeus e cristãos. “Jerusalém também é uma cidade muito importante para os muçulmanos e o país também tem atrativos não ligados à uma religião específica. Como experiências de autoconhecimento no Mar Morto”, finaliza Hida. 

(*) Crédito da capa: Marco Ankosqui/ MTur

(**) Crédito da foto: Divulgação/Promonde

Comentários