A importância do nutricionista para seu hotel

nutricionistaNutricionistas estão presentes em todos os processos internos do setor de A&B

Cada vez mais as pessoas se preocupam com as refeições. Afinal, muitos estudos apontam a alimentação desequilibrada como gatilho para diversas doenças, como câncer, diabetes, obesidade, doenças cardíacas, entre outras. Pequenas mudanças de vida ajudam nessa busca diária por saúde e qualidade de vida. E é justamente com esse novo pensamento que as empresas, incluindo as hoteleiras, recorrem ao auxílio de nutricionistas. 

Esses profissionais têm um papel fundamental em todas as etapas que envolvem alimentos e bebidas. O processo inicia desde a escolha de bons fornecedores, seguido pelo recebimento e armazenamento dos produtos. Características como temperatura ideal, embalagem e validade são devem ser analisadas para garantir que tudo está fresco e dentro dos padrões de qualidade.

Diante desse cenário, o nutricionista é o profissional capacitado para adequar a alimentação das pessoas. Equilibrando a ingestão de nutrientes e outras substâncias alimentares indispensáveis ao bom funcionamento orgânico. Se a gente pensar que o cardápio de um hotel vai desde o café da manhã ao room service, há muita coisa para ser devidamente preparada.

Nutricionistas na operação hoteleira

“Na operação em si, o momento do preparo dos alimentos é um momento mágico, em que simples ingredientes são cuidadosamente misturados para se tornar um prato lindo, saboroso e de comer com os olhos. É esta etapa que transforma um alimento em uma experiência. É aí também que o alimento tem toda atenção no ponto de vista nutricional e microbiológico”, afirma Elisangela Casagrande, gerente de Nutrição Corporativo da Rede Deville

Na Rede Deville, esses profissionais se atentam à manipulação, conduta e higiene dos colaboradores. Assim como a higienização geral do ambiente, equipamentos, utensílios, aos controles de temperaturas e aos processos de validades. “Por fim, seja qual for o local do consumo do alimento, refeitório de colaboradores, buffet, a la carte, café da manhã, room service, coffee break ou coquetéis, nutricionistas permanecem acompanhando e cuidando de cada detalhe”, complementa a gerente.

Além de controle de qualidade e nutrientes, a criação dos cardápios também requer a expertise de um nutricionista. Não basta apenas deixar saudável, mas também, criar opções de para cada demanda e estilo de hóspede. Por exemplo, na Rede Deville, a equipe busca elaborar menus especiais para cada unidade, tanto os restaurantes como bares. 

Vale dizer ainda que em todas as unidades da cadeia, exceto a Guaíra, contam com um nutricionista na unidade. Esses colaboradores controlam diariamente os processos internos do setor. “Diariamente, estou atenta às particularidades de cada hotel, atualização de processos, busca de controles mais eficazes e funcionais na prática, gestão das equipes, legislações que regem o setor, e em contato com as vigilâncias sanitárias sempre que necessário, seja para renovação de licenças, para atender padrões novos, ou para sanar dúvidas que surgem”, finaliza Elisangela.

(*) Crédito da capa: Brooke Lark/Unsplash

(**) Crédito da foto: Divulgação/Rede Deville

Comentários