Abertura do Maringá Encantada favorece hotelaria local

Abertura do Natal favorece hotelaria de Maringá (PR)Alguns estabelecimentos registraram ocupação total

A abertura do Natal, ocorrida na última sexta-feira (15), favoreceu a ocupação hoteleira da cidade. O início do evento Maringá Encantada reuniu mais de 80 mil pessoas na Praça da Prefeitura para acompanhar a chegada do Papai Noel, aproveitar as atrações e assistir, como os shows de Sérgio Reis e Renato Teixeira. 

Como preparação para o evento, o Maringá e Região Convention & Visitors Bureau, em parceria com entidades ligadas ao turismo e patrocínio da Coopercard, promoveu um treinamento de capacitação.

Erasmo Ramos, sócio-gerente do Hotel Avalon, filiado ao Maringá e Região Convention & Visitors Bureau, comentou que a ocupação do fim de semana superou expectativas. "Certamente a divulgação do Maringá Encantada, somada ao feriado prolongado trouxe muita gente. Este ano tivemos 100% de ocupação, o que acontece pouquíssimas vezes por ano", disse.

Além do evento da cidade, o hotel ofereceu uma programação diferenciada aos hóspedes, o que incluía ida ao Ody Park Aquático, também filiado ao Convention, durante o dia e passeio pelos atrativos natalinos de Maringá à noite.

Maringá Encantada: arrecadação

No ano passado, dados divulgados pela prefeitura apontaram arrecadação de mais de R$ 20 milhões durante o período de Natal. De acordo com Luiz Fernando Neves, diretor de Turismo, a expectativa deste ano é que haja aumento de 20% em relação ao ano passado. "Além da movimentação financeira que proporciona, é uma oportunidade para aumentar a taxa de permanência das pessoas na cidade e consolidar outros atrativos turísticos. É preciso que a cadeia produtiva aproveite criando experiências e pacotes em conjunto, ampliando nossa oferta”, afirmou. A estimativa da Prefeitura é que 1,5 milhão de pessoas circulem pelos atrativos natalinos do município.

O período de Natal é considerado importante para o setor turístico da cidade, gerando grande movimentação. Bares e restaurantes sentem crescimento de 15% a 20% durante o final de ano, conforme estimativa da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes). "Maringá recebe público de fora nesse período, e todo o trade ganha com isso. Estimular o turismo é estimular o desenvolvimento do comércio na cidade. É gerar renda pra todos", afirmou Deborah Kemmer, vice-presidente do Convention para assuntos de Food Service e presiente da Abrasel.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Shutterstock

Comentários