Aviva vende ingressos do Hot Park para ajudar comunidade local

aviva Doação privilegiará moradores da cidade de Rio Quente (GO) e Mata de São João (BA)

Detentora dos destinos Rio Quente (GO) e Costa do Sauípe (BA), a Aviva reforça seu caráter social durante a crise. A empresa lançou a campanha “Juntos pela Comunidade”, que venderá ingressos do Hot Park com 100% de arrecadação revertida para causas sociais e de combate ao impacto do coronavírus.

As comunidades de Rio Quente (GO) e São João da Mata (BA) serão as principais beneficiadas. Com o valor de R$ 59, os ingressos serão vendidos pelo site do parque até 30 de abril ou até o esgotamento dos tickets.

“O momento que estamos vivendo não tem precedentes. Além dos parques e hotéis fechados, a comunidade local é altamente afetada, sem meios de socorro de um dia para o outro. São tempos complexos, que envolvem decisões difíceis, mas não podemos de deixar de olhar o nosso entorno. Atento a isso e pensando como podemos continuar colaborando com as pessoas da comunidade local, decidimos lançar essa ação”, afirma Francisco Costa Neto, CEO da Aviva.

Os ingressos adquiridos pela ação “Juntos pela Comunidade” poderão ser utilizados de 01 de Junho de 2020 a 20 de Dezembro e 2020 (o período de abertura do parque está sujeito às alterações, de acordo com orientações dos órgãos responsáveis e definições da Aviva). Ao final da arrecadação, o valor total arrecadado e sua destinação estarão disponíveis no site do grupo.

Recentemente, o Beach Park (CE), parque temático localizado em Fortaleza, anunciou uma ação para arrecadar doações para auxiliar comunidades próximas ao empreendimento. O objetivo é atingir a marca de 30 toneladas de alimentos.

Aviva: o parque

Atração do Rio Quente Resorts, o Hot Park está entre os 10 parques aquáticos mais visitados da América Latina, segundo a TEA/AECOM. O local oferece atrações para todas as idades como o Xpirado e o Half Pipe, além do Acqua River e Lazy River. Dentro do Hot Park ainda é possível aproveitar a Praia do Cerrado, com ondas que chegam a 1,2 metros.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Aviva

 

Comentários