Booking.com: turistas brasileiras preferem atrações culturais

Booking.com: turistas brasileiras preferem atrações culturaisMulheres latino-americanas dão preferência por conhecer locais turísticos

O que buscam as mulheres na América Latina ao viajar? Pesquisa feita pela Booking.com mostra que a visita a atrações turístcas é a atividade preferida das latino-americanas, citada por 74%. Já as brasileiras, especificamente, têm programas culturais como preferência. Esta opção foi lembrada por 58% das entrevistadas.

Além disso, as turistas do continente também lembraram outras atividades como conhecer as cidades caminhando pelas ruas, citado por 73% delas. Um número parecido (67%) aproveita as férias para conhecer a culinária local e mais da metade (58%) quer curtir a vida noturna do destino.

Pesquisa anterior da empresa de reservas de hospedagens, também feita com mulheres, mas da geração Z, citou que elas recorrem ao Instagram ao planejar uma viagem.

Booking.com: acomodação conta na hora de viajar

Entre as atividades menos citadas pelas latino-americanas estão o intercâmbio com outras pessoas (41%) e assistir a um evento específico durante a viagem. 

Quando estão sozinhas, a acomodação também vira uma prioridade para as viajantes, tanto que sete em cada dez latino-americanas buscam por um local limpo e confortável. É importante para elas ainda o estabelecimento estar situado em uma região mais central e que tenha boas avaliações de outros hóspedes.

Além disso, as turistas do continente buscam destinos com mais infraestrutura (68%), incluindo meios de transportes mais eficientes e ruas mais iluminadas, e mais policiamento em locais de maior circulação de pessoas e com vida noturna mais agitada (61%). Em seguida no ranking estão pacotes de turismo que incentivem passeios em grupos de mulheres (58%).

De modo geral, quando viajam com outras mulheres - inclusive, parcela de 97% das viajantes da América Latina se dizem dispostas a se aventurar com amigas pela região -, essas turistas se sentem mais confortáveis para fazer passeios, especialmente à noite (63%). Também economizam ao dividir acomodação (57%) e se sentem mais seguras (48%). Em meio às brasileiras, estes números sobem, respectivamente, para 65%, 59% e 55%.

(*) Crédito da foto: Marty The Lewis/Pixabay

Comentários