Com 20 anos de carreira, Marcos Vileski realizou o sonho de ser hoteleiro

Vileski atuou na Atlantica Hotels durante 15 anos

Natural de Ponta Grossa (PR) e criado na capital paulista, Marcos César Vileski conseguiu realizar seu sonho profissional: ser hoteleiro. Atualmente com 39 anos, o diretor de Marketing e Vendas do Jurema Águas Quentes, em Iretama (PR), se apaixonou pelo setor ainda menino.

Frequentador de muitos hotéis paulistanos devido aos convites dos tios paranaenses que constantemente viajavam à São Paulo a trabalho, Vileski se encantou pela operação. “Meus tios sempre convidavam eu e meus pais para jantar nos hotéis em que estavam hospedados e eu achava aquilo incrível. Via as pessoas, o dinamismo do trabalho. Mesmo não viajando muito, visitei muitas unidades por causa deles”, conta.

Aos 17 anos, o diretor foi incentivado pelo tio a seguir a carreira hoteleira. Na época, não existiam cursos especializados para o setor, então ele foi cursar administração na FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas) com ênfase em Hotelaria. “Já falavam que a hotelaria seria o curso do futuro, a bola da vez. Meu tio sempre me dizia que, se era daquilo que eu gostava, deveria correr atrás. E foi o que eu fiz”.

Formado, Vileski cursou pós-graduação em Gestão de Marketing e fez mais quatro especializações em Vendas e Estratégias Comerciais. O profissional teve breves passagens pelo Bristol Curitiba e Best Western, até participar do programa de trainee da Atlantica Hotels, onde permaneceu por 15 anos.”Atuei sempre na área comercial até chegar ao cargo de diretor de Negócios Estratégicos da empresa”, relembra.

Em agosto de 2018, assumiu o cargo de diretor de Marketing e Vendas do Jurema Águas Quentes. “Estou aqui hoje pelo desafio de criar o destino, de participar do rebranding do complexo e implementar dois novos produtos: o Jardins de Jurema e o Jurema Vacation Club. Cheguei para contribuir com tudo que aprendi nesses anos”, ressalta. “Em toda a minha carreira, digo que é fantástico ter a oportunidade de abrir um programa de timeshare”.

Marcos Vileski: o comercial

Há 20 anos atuando no setor comercial, o profissional destaca a importância do departamento dentro de uma operação. “Todas as áreas são importantes, mas sem o hóspede o hotel não existe. O comercial e o marketing são essenciais para que os outros setores trabalhem. Os departamentos restantes são fundamentais para a manutenção e satisfação do cliente”, diz. “Somos a porta de entrada de qualquer empreendimento”.

Segundo Vileski, o rebranding do Jurema Águas Quentes tem sido um dos maiores desafios de sua carreira até agora. Para o profissional, a história de 50 anos do complexo tem um peso gigantesco para os hóspedes e manter a essência do produto é crucial para o sucesso da nova marca. “As pessoas já conhecem o produto, já tem confiança nele. É preciso manter a grife, fazendo com que o público continue se identificando com o empreendimento, mostrar que mantemos as nossas raízes”, afirma.

Para o futuro do setor, o diretor afirma que os profissionais precisarão se renovar e especializar cada vez mais em ferramentas digitais. “Temos que nos adaptar. O departamento de Vendas e Marketing precisa se familiarizar com ferramentas que criem estratégias mais arrojadas a curto e médio prazo”, finaliza.

(*) Crédito da foto: Nayara Matteis/Hotelier News

Comentários