Hotéis Rio: ocupação para o Réveillon já atinge 87%

hotéis rio- reveillonPrévia anterior apontou 75% de ocupação dos hotéis da cidade

Os índices de ocupação para o Réveillon no Rio de Janeiro continuam subindo. De acordo com a pesquisa atualizada divulgada ontem (19) pela Hotéis Rio, a previsão é que 87% das acomodações estejam ocupadas no período entre 28 de dezembro e 1º de janeiro de 2020.Na prévia anterior, a taxa média ficou em torno de 75%, o que representa um incremento de 12 pontos percentuais nas reservas confirmadas.

As regiões de Ipanema/Leblon e Copacabana/ Leme são as mais procuradas, com 89% e 87% dos quartos ocupados, respectivamente; seguidas de Barra da Tijuca/ São Conrado e Flamengo/ Botafogo, com 85%, cada; e Centro, com 83% de ocupação.

Ainda de acordo com o levantamento, a maior parte dos turistas de estados brasileiros é de São Paulo, seguido por Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Já de origem estrangeira, os argentinos lideram a procedência seguidos por chilenos, norte-americanos e portugueses.

“A média de ocupação para este Réveillon já superou a do ano anterior, em que ficou em torno de 85%. Aliás, ao longo de 2019, obtivemos taxas de ocupação maiores, em especial, devido ao incremento do número de eventos na cidade”, comenta o presidente do Hotéis Rio, Alfredo Lopes.

Hotéis Rio: programação

 A tradicional queima de fogos, com produção da Vision Show, terá 14 minutos de duração. O espetáculo pirotécnico contará com trilha sonora sincronizada, desenvolvida especialmente pelo músico Daniel Lopes, e começará pontualmente à meia-noite. Serão dez balsas, com 16,9 toneladas de fogos com bombas de alto, médio e de baixo calibre e, claro, artefatos inéditos.

O público pode se preparar para novidades nas cores, na diversidade de bombas e na trilha sonora. A estrutura da festa contará ainda com sete telões para o público acompanhar os shows, 16 torres de comunicação com sonorização, 800 banheiros químicos, 4 postos médicos e 30 torres da Polícia Militar. Criado por Abel Gomes, VP de criação e sócio da SRCOM, o palco tem 48 metros de largura e 16 metros de altura, três telões de LED e iluminação especial.

Já na Barra da Tijuca serão 12 pontos de queima de fogos, com duração de 5 a 15 minutos, e cerca de cinco toneladas para iluminar o céu da região. Os hotéis Whydham Barra, Windsor Marapendi, CDesign Hotel Recreio, Hilton Barra, Marriott, Ramada Recreio, Windsor Barra e Grand Mercure participam da queima ao lado dos shoppings Barra World, Village Mall, além do condomínio Ilha Pura e do Quebra-Mar da Barra. Dois shows patrocinados pelos hotéis Windsor Barra e Grand Mercure completam a experiência de quem escolher a Barra da Tijuca para passar a festa da virada.

(*) Crédito da foto: nidan/Pixabay

 

Comentários