HSMAI Brasil: performance + inovação? É possível?

HSMAI Brasil - Humberto FavaroFavaro acredita que performance e inovação pode (e devem) andar lado a lado

Depois de fazer uma viagem sobre o mundo da inovação e de culturas organizacionais, o Innovation Lab "voltou às raízes" para fechar o encontro. Promovido pela HSMAI Brasil e aberto hoje (8) pela manhã, o encontro teve palestra de dois hoteleiros, ambos da Aviva. Enquanto Humberto Favari falou sobre inovação e performance, Alcides Silva mostrou como o grupo hoteleiro vem tentando implementar uma cultura inovadora.

Coordenador de Performance Digital, Favaro abriu os trabalhos dizendo que seu grande desafio é fazer com quem a cultura de performance da hotelaria ande junto com a inovação nos negócios. Para isso, o profissional teve que fazer uma contextualização, falando também sobre criatividade. "Inovação e criatividade são conceitos distintos, mas interligados pela entrega de valor que objetivam. Agora, apenas ideias não bastam: é preciso transformar criatividade em inovação", aponta.

O mesmo vale para inovação e performance, que também precisam se comunicar. No entanto, como fazê-lo? "Entendo que o mercado ainda não abraçou isso, até por ser um segmento muito focado em performance, por vender um produto totalmente perecível", ilustra. "O caminho é mesmo uma mudança de mindset, mas isso exige novos processos, mais esforços, outras metodologias e quebras de paradigma. Nada disso é simples ou pouco trabalhoso", acrescentou.  

HSMAI Brasil: autonomia e coordenação

Para desenvolver uma cultura inovadora, Favaro acredita que o caminho é equilibrar autonomia e coordenação no trabalho das equipes. "Há duas formas de fazer isso. O primeiro é dividir gestões: alguém pensa em inovação, outro em performance. No entanto, trata-se de caminho ágil, mas trabalhoso e caro", observa.

"O segundo é a ambidestria, com a área desempenhando os dois papéis, pensando nas duas coisas ao mesmo tempo e aprendendo com os erros e acertos. Agora, sem disciplina, esse processo não sai”, explica. “Há aqui três dicas importantes: crie objetivos claros, até para ter problemas claros. Divida a estratégia com todo time. Por fim, dê atenção aos micro-momentos na jornada do cliente", acrescentou.

HSMAI Brasil - Alcides SilvaSilva trabalhou em igreja, fundou startup e, hoje, tenta inovar na Aviva

Logo a seguir, Silva tomou o palco e, com seu jeito despojado, proporcionou muitas risadas, ao mesmo tempo em que compartilhou um rico conhecimento. Em linhas gerais, ele mostrou o interessante programa de inovação que a Aviva vem implementando. "Somos uma empresa nova, que assumiu pra si a missão de ser uma geradora de experiências únicas na hotelaria. Só mesmo por meio de inovação chegaremos a esse objetivo", comentou.

O profissional destacou os inúmeros projetos que a Aviva vem desenvolvendo neste sentido, com destaque para os Hackathons realizados com os funcionários. "Em um deles, focado no futuro da distribuição, obtivemos ideias que, talvez, só conseguíssemos com anos e anos na maneira tradicional do mercado", finalizou. 

(*) Crédito das fotos: Vinicius Medeiros/Hotelier News

Comentários