Mercure Curitiba Aeroporto aposta em elementos regionais na decoração

Mercure Curitiba Aeroporto - regionalizaçãoTribo Kaingang foi fonte de inspiração para o retrofit

Em agosto, a Accor anunciou a entrega do retrofit de duas unidades: Mercure Curitiba Aeroporto e ibis Styles Santa Felicidade, ambos resultados de conversões da BHG (Brazil Hospitality Group). Marca registrada da bandeira Mercure, o primeiro agora traz elementos que apostam na regionalidade do empreendimento.

As obras serviram para adequar a unidade aos padrões da marca que tem o compromisso de valorizar  as raízes de sua comunidade local. Os hóspedes do Mercure Curitiba Aeroporto agora irão se deparar com decorações inspiradas na tribo indígena Kaingang, originária do sul do país.

Araucárias - vegetação comum na região - fazem parte do conceito visual do hotel. Luminárias feitas com base em cestos indígenas reforçam a cultura local. O projeto foi desenvolvido pelo arquiteto Darley Voltolini, da EA + Arquitetos Associados.

Mercure Curitiba Aeroporto: o hotel

Localizado ao lado do Aeroporto Afonso Pena, a unidade conta com 120 apartamentos, que acomodam até dois adultos e uma criança. Os clientes têm à disposição academia, bar, lavanderia, salas de eventos, translado gratuito ida e volta para o terminal aéreo e também é dog friendly.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Accor

Comentários