MTur anuncia linha de R$ 200 milhões para regiões atingidas por óleo

Mtur anuncia linha de R$ 200 milhões para regiões atingidas por óleoMinistro do Turismo diz que linha é capaz de auxiliar comércio da região

O Mtur (Ministério do Turismo) anunciou uma linha de crédito da R$ 200 milhões para as regiões do Nordeste atingidas pelo vazamento de óleo. De acordo com Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo, o dinheiro virá do Fungetur (Fundo Geral do Turismo). O objetivo é ajudar pequenos empreendimentos turísticos a superar um possível período de retração de suas atividades. 

Ele esteve in loco em Porto de Galinhas (PE), para conferir de perto os estragos. Além disso, na terça-feira (22), o titular da pasta esteve reunido com representantes do estado. Na ocasião, ele ouviu os pedidos da delegação.

Álvaro Antonio informou que os recursos do fundo têm condições de atender aos pequenos e médios empresários. "As linhas de crédito do Fungetur são muito atrativas do ponto de vista de prazo, custo do crédito e carências", completou.

O ministro também ressaltou a importância do engajamento da comunidade no avanço das manchas de óleo nas praias do litoral pernambucano. Garantiu que o governo federal está empenhado em identificar a origem do óleo.

Mtur: Associação de hotéis quer praias limpas

Ulisses Ávila, diretor executivo da AHPG (Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas), afirmou que o importante é trabalhar para receber os turistas na região com segurança. "O fundamental para nós é que todas as praias fiquem apropriadas para o banho em todo o Nordeste", afirmou.

O Fungetur é operado hoje no Nordeste pela Caixa Econômica Federal e pelo Banese (Banco do Estado de Sergipe). Nos próximos dias, o MTur lançará um edital para credenciar novos agentes financeiros, especialmente para atendimento à região afetada. Atualmente, o Fungetur tem R$ 156 milhões em 113 operações contratadas, desde 2018. 

(*) Crédito da foto: Vagner Vargas/Mtur

Comentários