MTur desenvolverá ações para segurança turística

MTurMarcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo, diz que participação de todos é fundamental

O Ministério do Turismo (MTur) deverá preparar ações e políticas para a segurança dos turistas. Pontos de cooperação entre atores do setor foram analisadas no I Seminário de Segurança Turísticas, que terminou na última quarta-feira (2). A ideia do encontro foi de debater a criação de um sistema nacional de segurança, com o envolvimento de vários órgãos públicos e entidades.

Participaram dos debates representantes dos ministérios do Turismo, da Justiça e Segurança Pública, do Desenvolvimento Regional e da Saúde, além da Anvisa e de órgãos estaduais e municipais. Durante dois dias, foram analisados temas relacionados à hospitalidade, tais como saúde, defesa do consumidor e proteção da integridade física e patrimonial de turistas.

Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo, ressaltou que o turismo é multidisciplinar e vem assumindo um papel ativo nas políticas públicas. "A participação de todos é essencial para se realizar um diagnóstico mais completo e eficiente", completou.

MTur coloca segurança em pauta

Bob Santos, titular da Secretaria Nacional de Integração Interinstitucional do MTur, afirmou que o Turismo encontra-se em um momento adequado para ingressar na pauta da segurança. "Não há como falar em turismo sem segurança. Trara-se de uma variável de extrema relevância para a escolha de um destino", frisou.

Desde o início do ano, a Secretaria de Integração Interinstitucional tem promovido encontros sobre o Sistema Nacional de Segurança Turística. Em agosto, a Diretoria de Políticas e Ações Integradas, coordenada pelo coronel Luciano Puchalski, organizou o 1º Encontro de Segurança Turística, com a presença de representantes dos ministérios da Saúde, da Justiça e Segurança Pública e do Desenvolvimento Regional.

(*) Crédito da foto: Roberto Castro/MTur

Comentários