Turismo doméstico será aposta do setor após pandemia, diz pesquisa

turismo domésticoPesquisa foi realizada com 400 agentes de viagens

Para a retomada do setor, as expectativas para um primeiro momento rodeiam em torno do turismo doméstico. O MTur (Ministério do Turismo) já trabalha buscando soluções para a sobrevivência e recentemente, um um estudo apontou que os destinos nacionais deverão ser os mais procurados por turistas brasileiros após o fim de restrições impostas pela propagação do coronavírus.

Realizada pela consultoria Cap Amazon e pelo portal Mercado & Eventos, a pesquisa avaliou as perspectivas de mais de 400 agentes de viagem das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Curitiba. A grande maioria (55%) acredita em uma retomada mais rápida no mercado doméstico. Os entrevistados acreditam ainda que destinos nacionais serão uma tendência, assim como o turismo de saúde e destinos menos frequentados.

Turismo doméstico: mudança de perfil

A partir do resultado, também foi possível constatar uma provável mudança no perfil dos turistas brasileiros. Com o fim do isolamento social, as agências apostam em uma maior demanda por viagens de lazer e para visitar amigos e familiares. Destinos e serviços que proporcionem bem-estar e contato com a natureza são citados, pela maior parte dos consultados, como segmentos em alta na retomada do turismo.

Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo, interpreta o resultado como “uma boa notícia! O Brasil está repleto de destinos incríveis, muitos ainda desconhecidos pelos turistas, só esperando a retomada das atividades para serem aproveitados. O conceito de regionalizar o turismo, para assim desenvolver toda a cadeia produtiva do setor, trazendo emprego e renda para a população local, sempre foi uma diretriz do Ministério do Turismo, e vamos continuar trabalhando para alcançar nosso objetivo”.

(*) Crédito da foto: Divulgação/MTur

Comentários